O que fazer em Belém, Lisboa: atrações e restaurantes

Um só bairro, mas incontáveis histórias. Em Belém, Lisboa, você frequentará os mesmos lugares que os nobres, religiosos e navegadores de 500 anos atrás. Simultaneamente, visitará o que a cidade tem de mais novo e moderno. E entre um e outro, degustará um doce tradicionalíssimo em Portugal.

Então vamos começar seu roteiro em Belém, Lisboa!

Para facilitar, além de atrações e restaurantes, este guia traz dicas de transporte e mapa com todos os pontos citados. Assim, você conseguirá planejar sua visita a Belém da melhor forma possível!

Como chegar
O que fazer
Onde comer
Mapa
Vídeo
Passagem barata para Portugal
Como chegar a Belém, Lisboa
bonde em lisboa
Bonde em Lisboa (este não é o 15E!) | Foto: Passagens Imperdíveis

Conforme destacamos nestas dicas para visitar Portugal, há diversas opções de transporte em Lisboa, a capital do país. Sendo assim, para chegar a Belém, você pode escolher entre:

Ônibus: a partir de € 2 (R$ 8,70), pode usar o cartão VIVA e/ou bilhete diário, veja no Google Maps qual linha te atende
Trem: € 1,35 (R$ 5,87)
Bonde elétrico 15E: a partir de € 3 (R$ 13,05), pode usar o cartão VIVA e/ou bilhete diário, o embarque pode ser na Praça do Comércio
Aplicativos de transporte Uber e Bolt: simule no app o seu ponto de partida
Táxi: depende do ponto de partida
Esse bairro de Lisboa fica a 7 km do centro da cidade, portanto a viagem é bem rápida e fácil. O que muda mesmo é o seu ponto de partida, que impactará no meio de transporte utilizado.

Desde já, outra dica: se quiser explorar ao máximo esse bairro, procure chegar cedo, pela manhã. Dessa forma, poderá visitar tudo com calma. Todavia, se o tempo estiver curto, reserve ao menos meio dia para o seu passeio.

PIInforma: os valores e cotação (€ 4,35 = R$ 1) correspondem a junho/2019. Como podem mudar com o tempo, use-os só como referência para a sua viagem.

O que fazer em Belém, Lisboa
Resolvido o trajeto, hora de conhecer os pontos turísticos de Belém. Entre eles, construções históricas e modernas, para apreciar a fachada ou conhecer por dentro.

Além disso, o bairro em si inspira e expira história. Isso porque foi daqui que partiram grandes navegadores, incluindo Pedro Álvares Cabral, o primeiro português a chegar ao Brasil.

Por fim, uma maneira de economizar nesse passeio, a depender do seu roteiro, é o Lisboa Card. Este é um passe turístico no qual você paga um valor fixo, mas tem acesso liberado a diversas atrações, bem como gratuidade em alguns meios de transporte, dentro de um período limitado de tempo. No site oficial, tem todos os detalhes!

Torre de Belém
torre de belem lisboa
Torre de Belém | Foto: Passagens Imperdíveis

Esse patrimônio mundial da Unesco tinha como função ajudar na defesa do território monitorando todo o movimento no rio Tejo. Isso há cerca de 500 anos!

Hoje, é pela importância histórica e pela arquitetura que a Torre de Belém se tornou um dos símbolos da cidade e principais pontos turísticos. A visita vale pena de qualquer modo: apreciando por fora ou visitando o interior da construção. Sendo assim, vai da sua disponibilidade de tempo e orçamento, pois a entrada é paga, enquanto o acesso ao exterior, não!

Funcionamento:
Outubro a abril: todos os dias, das 10h às 17h30
Maio a setembro: todos os dias, das 10h às 18h30
Endereço: Brasília, Belém
Preço para entrar: € 6 (R$ 26,10)
Mais informações: site oficial
Mosteiro dos Jerónimos
mosteiro jeronimos belem lisboa
Mosteiro dos Jerónimos | Foto: Passagens Imperdíveis

Com mais de 500 anos de existência, trata-se de um mosteiro da ordem católica de São Jerônimo (sim, o nome do santo é com acento circunflexo, mas o da atração turística, com agudo!). O prédio, construído em estilo manuelino gótico, é hoje patrimônio mundial da Unesco e referência absoluta desse tipo de arquitetura.

Era ali que os navegadores recebiam a benção para viajarem. O próprio Pedro Álvares Cabral é exemplo, uma vez que passou pelo Mosteiro dos Jerónimos antes da expedição que revelou o Brasil aos europeus.

Logo ao lado do mosteiro, fica a Igreja de Santa Maria de Belém, cuja entrada é grátis. Um motivo para ir lá dentro? Apreciar os detalhes da construção e ver de perto os túmulos do navegador Vasco da Gama e do poeta Luís de Camões, ambos personagens de grande importância na história portuguesa.

De volta ao Mosteiro dos Jerónimos, você também pode entrar e conhecer as instalações nas quais viviam os monges. E se pensou que seriam apenas quartos e corredores, ledo engano! Afinal, esse grande edifício está repleto de esculturas e obras de arte belíssimas, fora a energia incrível.

Funcionamento:
Outubro a abril: todos os dias, das 10h às 17h30
Maio a setembro: todos os dias, das 10h às 18h30
Endereço: Praça do Império, Belém
Preço: em todos os casos, há preços especiais para crianças, estudantes e idosos
Individual: € 10 (R$ 43,50)
Mosteiro + Museu de Arqueologia: € 12 (R$ 52,20)
Mais informações: site oficial
Padrão dos Descobrimentos
padrao descobrimentos belem lisboa
Padrão dos Descobrimentos | Foto: Passagens Imperdíveis

Inaugurada em 1960, essa escultura tem o formato de caravela e retrata diversas personalidades marcantes na história da navegação portuguesa. Entre elas:

Pedro Álvares Cabral: primeiro português a chegar ao Brasil
Vasco da Gama: descobriu a rota marítima para as Índias
Bartolomeu Dias: primeiro a contornar o Cabo da Boa Esperança, em Cape Town, África do Sul
Aqui você pode tanto apreciar a imponente construção às margens do rio Tejo quanto entrar e subir no Padrão dos Descobrimentos. Dessa forma, o acesso à área externa é grátis, mas a entrada é paga.

Funcionamento:
Março a setembro: todos os dias, das 10h às 19h
Outubro a fevereiro: todos os dias, das 10h às 18h
Endereço: Brasília, 1400
Preço: em todos os casos, há preços especiais para crianças, adolescentes e idosos
Exposição, filme e mirante: € 6 (R$ 26,10)
Exposição: € 4 (R$ 17,40)
Mais informações: site oficial
Museu de Arte, Arquitetura e Tecnologia (MAAT)
Embora não faça parte do circuito tradicional de turismo em Belém, o museu fica nesse bairro. Por isso, é uma opção extra para você visitar, ainda que o apelo seja bem diferente dos demais pontos turísticos. Isso porque as exposições têm como foco os temas que dão nome ao local.

maat lisboa
Museu de Arte, Arquitetura e Tecnologia| Foto: Wikimedia Commons

Logo na chegada ao MAAT, chama a atenção a beleza do edifício, em formas curvas, de frente para o rio Tejo. A modernidade desse prédio é uma marca explícita dos séculos que o separam das demais atrações da região. Afinal, enquanto a média de idade dos outros é de 500 anos, existe desde 2016.

Anexo ao MAAT, fica o Central Tejo, outro museu, com ingressos à parte. Assim, ao consultar a programação, veja em qual prédio estará aquela que mais te interessou.

Funcionamento: qua. a seg., das 11h às 19h
Endereço: Brasília
Preço: a partir de € 5 (R$ 21,75)
Mais informações: site oficial
Foto por Susanne Nilsson, na Wikimedia Commons, sob Creative Commons 2.0.

Onde comer em Belém, Lisboa
Entre os restaurantes em Belém, um é bem popular entre os visitantes, sendo este uma atração turística por si só. Já os outros são alternativas para recarregar as energias no almoço ou jantar.

Pastéis de Belém
fabrica de pasteis de belem
Saborosos pastéis de Belém | Foto: Passagens Imperdíveis

O pastel de nata é um dos pratos típicos de Portugal mais famosos no mundo. Por isso, todos os dias, centenas, senão milhares, de pessoas entram na fila da Fábrica de Pastéis de Belém. Mas por que aqui, e não em outro lugar? É porque essa confeitaria é a única que detém a receita original.

Funcionamento:
Outubro a junho: todos os dias, das 8h às 23h
Julho a setembro: todos os dias, das 8h às 24h
Endereço: rua de Belém, 84-92
Faixa de preço: média de € 5 (R$ 21,75)
Mais informações: site oficial
Enoteca de Belém
Esse bar de vinhos fica bem próximo ao Mosteiro dos Jerónimos e abre para almoço e jantar. Logo, dependendo do seu roteiro por Belém, Lisboa, pode encerrar o passeio por lá ou comer algo para seguir a tarde com energia total. Outro bom motivo é a oportunidade de degustar o famoso vinho do Porto, exclusividade portuguesa.

Funcionamento: ter. a sáb., das 13h às 16h, e das 19h às 23h
Endereço: travessa Marta Pinto, 10
Faixa de preço: média de € 30 (R$ 130,50)
Mais informações: página do Facebook
Rio Maravilha
Localizado na LX Factory, um antigo complexo industrial que virou centro artístico, esse restaurante combina com bons momentos. E como fica no caminho entre Belém e o centro de Lisboa, é possível parar lá na volta do passeio. Quem sabe você não aprecia o pôr do sol enquanto degusta uma comida portuguesa? O Rio Maravilha tem uma bela vista do rio Tejo.

Especialidade: comida portuguesa
Funcionamento: ter., qua. e qui., das 12h30 às 2h, sex. e sáb., das 12h30 às 3h, dom., das 12h30 às 0h
Endereço: rua Rodrigues de Faria, 103
Faixa de preço: média de € 15 (R$ 65,25)
Cardápio e reservas: página do Facebook
Mapa de atrações e restaurantes em Belém, Lisboa
Para que tudo o que você leu até agora tome uma forma ainda mais clara na sua cabeça, veja a localização dos pontos no mapa. Assim, você conseguirá planejar seu passeio em Belém da maneira mais conveniente!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *